quarta-feira, agosto 06, 2008

O Porto do dealbar do século XX

O Porto do início do século passado é ainda uma presença importante a marcar o carácter desta cidade; o seu centro histórico preserva muito do património desses tempos de acumulação da riqueza rural, nomeadamente a que se relaciona com a produção e comercialização do reputadíssimo Vinho do Porto.
O grande desafio é o de saber adaptar esta cidade às imposições e necessidades da contemporaneidade sem que perca o seu estilo, a sua vida.
Livreria Lello, Porto, © António Baeta Oliveira

O que seria do Porto sem edifícios como o da Livraria Lello e o deslumbramento dos seus trabalhos em madeira, mantendo-o com a vida que ainda hoje possui, num corrupio permanente de actividade!?
(Não perca a visita virtual que lhe proponho no link acima)

Café Majestic, Porto, © António Baeta OliveiraE que dizer da ambiência requintada do Café Majestic (utilize o link) e do excelente serviço que proporciona, depois da intervenção que lhe restaurou o brilho de outros tempos!?
Salão Árabe do Palácio da Bolsa, Porto, © António Baeta Oliveira
Oh!!
E o revivalismo orientalista do Salão Árabe do Palácio da Bolsa!? (clique)
Se for ao Porto, não perca estas preciosidades e muitas outras a que aqui não fiz referência, pois desta vez o tempo não deu para mais.
Voltarei!

2 comentários:

hfm disse...

Fez-me lembrar que já lá não vou desde a exposição da Paula Rego.

Um abraço

Helena

António Baeta disse...

Estivemos os dois no Porto nesse período, lembras?