segunda-feira, janeiro 02, 2006

Temos que fazer por nos entendermos

Orquestra do Algarve, Setembro 2005, Lagoa, © António Baeta Oliveira

Apesar das diferenças, porque somos diferentes, temos que fazer por nos entendermos.
São os meus votos para 2006.

  • Ni yo tampoco entiendo

    ... De este mundo los dos
    sabemos poco. Y sin embargo, estamos
    aqui obligatoriamente obligados
    a entenderlo.

Rafael Ballesteros
Aguaviva
Poetas andaluces de ahora
Ariola, 1989


Powered by Castpost

8 comentários:

RS disse...

Bienvenido.
Y en hora buena.
:)

Turrexita disse...

Bienvenido.
Y en hora buena.
:)
D
:)

hfm disse...

Bom ano, António.

Clitie disse...

Um bom ano para ti.

Bjks

Joana disse...

Antonio, ja viu um filme do Fellini chamado ensaio de Orquestra?

António Baeta disse...

Não conheço Joana. Porque perguntas? Queres esclarecer?

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

Bom ano.
Bjx

António Baeta disse...

Nadir
Tens algum serviço automático de mensagens para comentários?
Já me desejaste um BOM ANO por mais do que uma vez e já agradeci.
Como o ano só acacaba daqui a um ano receio pela tua insistência :-)

Obrigado!