quarta-feira, setembro 22, 2004

Equinócio

O Equinócio de Outono, que hoje deve ocorrer pelas 16h30, segundo as informações que recolhi, é um tempo de mudança. A partir daquela hora o dia tornar-se-á mais breve do que a noite, até ao próximo equinócio, o da Primavera.


  • A palavra é curva Nunca atinge
    o alvo Só o silêncio
    é recto
    Mas a chama de um e de outro
    limpa a lepra do tempo
    e descobre a fonte branca
    como o desenho latente que na página respira


António Ramos Rosa
Antologia Poética
Publicações D. Quixote, Lisboa 2001

P.S.

Que Ramos Rosa me perdoe esta ligação do seu poema ao equinócio, mas nem eu sei bem por que fui tentado a fazê-lo.


1 comentário:

manuel a. domingos disse...

penso que o Ramos Rosa não se deve "zangar" muito contigo...nunca foi necessário o seu perdão.
um abraço